Marmita, o principal companheiro da alimentação saudável


Desta vez vamos focar a nossa atenção nas marmitas!

O que são? As lancheiras que levamos connosco onde colocamos a comida que iremos precisar para o nosso dia de trabalho ou aulas.


Aqui vão algumas dicas:


1. Devemos sempre preparar a marmita no dia anterior para que de manhã não falte nada, e se acordar tarde basta pegar na marmita e sair de casa!


2. A marmita é uma boa forma de economizar pois evita que a sua refeição seja no café ou restaurante. Também permite que a quantidade e qualidade das refeições seja controlada por si!


3. Basta cozinhar a refeição do jantar em maior quantidade e colocar o que vai levar no dia seguinte num recipiente adequado (de preferência de vidro para que não existam

substâncias tóxicas em contacto com a comida). Não se esqueça da porção de vegetais

que devem acompanhar sempre o prato.


4. Leve sempre sopa, é uma boa forma de aumentar o aporte de micronutrientes e

aumentar a saciedade!


5. Se optar por uma sande deve dar sempre preferência ao pão integral e coloque, por

exemplo, atum, salmão ou frango. Não deixe a salada de parte e acrescente-a ao pão!


6. Se levar salada, leve o tempero num pequeno recipiente à parte e coloque no momento da refeição.


7. Quanto aos lanches opte por levar pequenos snacks que o vão manter saciado entre as refeições principais. Mas não vale petiscar, deve fazer uma pequena pausa para o

lanche!


8. A marmita deve ser térmica para que a qualidade dos alimentos se mantenha.


Qualquer dúvida, não hesite em questionar a sua nutricionista.


Por dra. Raquel Oliveira, Nutricionista Infesta HC.

0 visualização