top of page

Vêm aí as festas- O que fazer para não deitar tudo a perder?!


Dezembro está á porta e com ele a altura que todos tememos (ganhar uns quilos extra). O Natal e a Passagem de Ano são épocas de alguns excessos alimentares e maior sedentarismo mas não se preocupe, estamos aqui para si. Se procura uma razão para não comprometer o progresso obtido com os treinos realizados até então, leia as nossas 04 dicas fique a saber como não deitar tudo a perder.



1- "Por que é devo manter a minha rotina de treino ?"


Nesta época do ano, ocorre uma combinação de duas situações altamente prejudiciais para quem está num processo de emagrecimento e que para o efeito pratica regularmente exercício físico: o aumento da ingestão calórica, incluindo o consumo de bebidas alcoólicas, e a diminuição do gasto calórico – isto porque, normalmente, as pessoas param de treinar completamente. Nesse sentido deve ao máximo manter a sua rotina de treino (no limite, parcialmente), por forma a não comprometer a consolidação da sua prática e interiorização do exercício físico como uma parte integrante e natural do seu dia-a-dia.


2- "E se seu parar de treinar completamente? O que acontece?"


Quem treina regularmente, vai obter aquilo que se chama de progressão do treino, ou seja, avanços visíveis no organismo como um todo. Está comprovado que, após dez dias sem treinar, o corpo começa a perder essas conquistas que obteve, denotando-se primeiramente uma perda de flexibilidade, em seguida uma diminuição na capacidade cardiorrespiratória e por fim a perda de volume de massa muscular.


Dai a recomendação ser de um trabalho continuo com o mínimo de quebras possíveis.


3- "Mas eu vou para a aldeia no Natal e passagem de ano, não consigo treinar!"


Sabemos que muitas pessoas viajam e nem sempre têm condições para continuar a praticar exercício e para isso também temos uma resposta, procure a orientação de um profissional para que ele adapte o treino que já é feito utilizando apenas o peso do corpo ou acessórios como cordas e elásticos, por exemplo, que embora não substituam um treino com o equipamento disponível no seu clube, estes podem ser uma boa alternativa para colmatar a falha de um ou outro treino. Obviamente que nem sempre será possível fazer exatamente os mesmos exercícios, mas é importante manter a frequência média de treino apesar das férias e das festas.


4- "Então não posso comer naaaaada no Natal?!"


Relaxe não precisa ser obsessivo até porque são estes períodos em família e de descontração que nos dão o combustível para viver, mas procure não se deixar levar pelo frenesim festivo e tenha algum cuidado com o que consome. As ceias de Natal não têm apenas pratos hipercalóricos, há muitas fontes de proteína – como o bacalhau, o polvo ou o peru, por exemplo. Seja seletivo, relativamente à qualidade daquilo que come, e evite exageros. Caso seja você a confeccionar a ceia procure alternativas saudáveis (principalmente no departamento das sobremesas) aconselhe-se com a sua nutricionista ou puxe pela criatividade por vezes pequenas mudanças podem trazer grandes benefícios sem comprometer a tradição.


Por fim modere o consumo de álcool e aumentar a ingestão de água, para repor a hidratação do organismo. Outra dica valiosa é durma bem: a privação do sono altera as hormonas que promovem os benefícios do treino e favorecem a perda de peso.


Lembre-se a prática de pouco exercício é melhor do que ficar parado! O seu corpo e a sua mente agradecem!




N’O Meu Ginásio, conta com uma equipa de profissionais pronta para ajudá-lo a alcançar os seus objetivos e conseguir ter uma vida mais saudável.

Mexa-se por si, e pelo seu coração!

Equipa O Meu Ginásio



Clique aqui !!

👇


Mantenham-se ativos!

568 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
OMG Blog 2-51.png
bottom of page